outubro 08, 2009

VIRTUALIDADES

EXPOSIÇÃO DE FOTOGRAFIA
SECOND LIFE - POTUCALIS - LARGO DAS FLORES
reViriato Merlin



ALEM_TEJO
MONSARAZ

Vila localizada na parte sudoeste de Portugal, a cerca de 50 km de Évora, conserva tradições ancestrais, e oferece a quem a visita novas opções de lazer.

Inserida numa das zonas mais áridas do Alentejo, a Vila beneficia agora de uma paisagem e de um ambiente renovado pelas águas “presas”do rio Guadiana, quase lhe lambendo os pés a refresca-la, tornando assim simultaneamente povoações, que antes penavam com a seca, serem hoje chamadas de “aldeias ribeirinhas”, com direito a cais, ancoradouro e desportos náuticos inclusive.

Monsaraz vê-se agora reflectida num enorme lago que evoca a lenda de Nossa Senhora da Lagoa, sua santa padroeira.
Entre muralhas e torreões de um castanho avermelhado, a vila com o seu casario secularmente branco, estende-se ao longo de antigas e estreitas ruelas, conservando a mesma beleza contrastante de sempre, indiferente ao passar do tempo, acentuando contrastes.

Pelas ameias vislumbram-se paisagens largas a perderem-se nos horizontes com a planície a espreguiçar-se, abraçando a sul, um dos maiores lagos artificiais da Europa.
Inaugurada em 2002 a barragem do Alqueva alterou decisivamente o mapa geográfico da região, avistando-se ao fundo, a enorme massa de água onde outrora milhares de hectares de terra desde sempre marcada pela escassez de água, ficaram submergidos com a subida do nível do rio Guadiana, que marca a fronteira de Portugal com Espanha.

A concentração de monumentos da fase megalítica na região é uma das maiores da Europa, característica que valoriza o património cultural, histórico e ambiental da Vila

Imensos vinhais ao lado de olivais milenares, aonde coabitam também belas e antigas casas dedicadas ao turismo de habitação rural, paredes meias com outra antiga ermita Templária, poupada à aquática invasão.

Recomenda-se uma atempada visita.


A.Fazendeiro


INAUGURAÇÃO
SEXTA-FEIRA, 22H00 MG

2 comentários:

Mister disse...

muito bonito...o Alentejo com sua mágica "especial"

AnaMar (pseudónimo) disse...

Tenho que aprender a ir..."por aí" :-)

Venho deixar um convite:

http://um-cha-no-deserto.blogspot.com/2009/10/convite.html

Abraços e beijos